Incêndio destrói igreja matriz com 117 anos em Guariba, SP


Fogo começou no telhado, que estava em reforma, mas as causas ainda não foram identificadas. Ninguém se feriu porque paróquia estava vazia e Defesa Civil avalia risco de desabamento.

A igreja matriz de Guariba (SP) foi destruída por um incêndio de grandes proporções na noite desta segunda-feira (10). Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo teve início no telhado, que estava em reforma, mas as causas ainda são desconhecidas. Ninguém se feriu.

A Polícia Civil informou que ainda não foi comunicada sobre o fato e só depois do registro do boletim de ocorrência pode iniciar a investigação sobre a origem do incêndio.

Construída em 1895, a igreja tornou-se oficialmente “Paróquia São Mateus” em abril de 1900. O padre Audive Bissoli contou que eram realizadas cinco missas por semana na matriz, mas a unidade estava vazia quando as chamas começaram, por volta de 22h.

“Estávamos vendo tudo e aquele sentimento de impotência e não poder fazer nada. Toda a comunidade, toda Guariba em volta rezando e pedindo a Deus, força, coragem e fé para darmos continuidade”, disse.

Funcionários da Prefeitura e da Defesa Civil trabalharam no combate às chamas, com apoio de caminhões-pipa de usinas de açúcar e etanol. Viaturas do Corpo de Bombeiros de Jaboticabal (SP) também se deslocaram para o local.

A paróquia ficou completamente destruída. Apenas as paredes ficaram de pé e a Defesa Civil ainda avalia o risco de desabamento. Uma imagem de São José, que ficava no altar da igreja também foi preservada.

“É um pesar muito grande, muita tristeza, mas, na certeza que com a fé deste povo reconstruiremos esta comunidade paroquial”, disse Bissoli.

O local permanece interditado.

Fonte: g1.globo.com/sp/ribeirao-preto-franca/

  • Twitter
  • del.icio.us
  • Digg
  • Facebook
  • Technorati
  • Reddit
  • Yahoo Buzz
  • StumbleUpon

Deixe um comentário